30052014172611qss

 Para o reitor da UFRJ, Carlos Levi, a melhora na posição da universidade é resultado, principalmente, do atual processo de expansão das universidades federais no país: "As universidades federais, até 2003, vinham sofrendo com um processo acelerado de degradação. No entanto, recentemente, com o programa de expansão de universidades do Governo, os investimentos de custeio de despesas e recursos humanos vêm garantindo expansão qualificada das nossas federais", afirma Levi.

Compilado pelo QS Intelligence Unit, em conjunto com seu conselho de líderes acadêmicos mundiais, o QS World University Rankings é extensamente utilizado como referência por universitários, profissionais acadêmicos e governos de todo o mundo. Os rankings são sustentados por quatro pilares: pesquisa, ensino, empregabilidade e internacionalização.

Fonte: www.microbiologia.ufrj.br/

UFRJ Fórum de Ciência e Cultura da UFRJ
Desenvolvido por: TIC/UFRJ