Cia Folclorica

Nos dias 23 (sábado) e 24 (domingo) de junho, das 19h30 às 21h30, a Companhia Folclórica do Rio – UFRJ se apresenta no Teatro Municipal Angel Vianna, na Tijuca. O espetáculo “Companhia Folclórica 30 Anos”  reúne os quadros mais emocionantes realizados ao longo de três décadas de Companhia.

O musical reúne 41 brincantes e conta com a direção artística de Eleonora Gabriel e direção musical de Luciano Câmara e do maestro Leonardo Bruno. O espetáculo é fruto de pesquisas de campo em várias regiões do Brasil e traz a intensidade desta aprendizagem e a valorização plástica, musical, coreográfica, histórica, social e política das culturas populares brasileiras.

O musical tem classificação livre e convida o público a brincar, cantar e dançar nesse baile de (re) conhecimento do potencial identitário e artístico brasileiro. Para isso, integra tambores de troncos escavados a fogo, violas de 10 cordas e sopros, mamulengos, músicas autorais e tradicionais, saias rodadas de Norte a Sul, sapateados e rebolados.

A Companhia Folclórica do Rio – UFRJ é um projeto integrado por docentes, funcionários técnico-administrativos e discentes da universidade. O início foi com o Grupo de Danças Folclóricas criado pela professora Sonia Chemale, na década de 1970. Depois, foi fundada, em 1987, na Escola de Educação Física e Desportos (EEFD), sob liderança da professora Eleonora Gabriel, que permanece até hoje à frente dos trabalhos.

O objetivo da Companhia é utilizar a linguagem das culturas populares brasileiras em apresentações artísticas, buscando aproximar o público de todas as idades da diversidade e riquezas culturais do país, em suas expressões de dança, música e teatro folclóricos. Frequentemente, está em contato direto com várias comunidades caiçaras, quilombolas, ribeirinhas e urbanas, podendo conhecer e vivenciar diversas expressões artísticas brasileiras e estimular a revitalização e a divulgação de diversos grupos.

A Companhia concilia o trabalho acadêmico da pesquisa com montagens artísticas de danças e folguedos folclóricos brasileiros. Procura manter sua existência indissociável do tripé composto por ensino, pesquisa e extensão, fazendo com que essas vivências sejam absorvidas e reconfiguradas para valorizar e disseminar o patrimônio imaterial em diferentes áreas do conhecimento.

Centro Coreográfico da Cidade do Rio fica na rua José Higino, 115, Tijuca.

Para mais informações:

www.ciafolcloricadorioufrj.com

Clécia Oliveira

Jornalista

UFRJ Fórum de Ciência e Cultura da UFRJ
Desenvolvido por: TIC/UFRJ