No dia 13 de dezembro de 2019, marco de 51 anos do AI-5, a Comissão da Memória e da Verdade da UFRJ realizou o debate “A Comissão Nacional da Verdade cinco anos depois: memória e verdade em tempos de negacionismo e autoritarismo”. O evento se propôs a discutir o crescimento de narrativas que negam ou fazem apologia à ditadura militar e à tortura no Brasil.

 FCC7327  FCC7396
Conferência foi aberta com a fala de Rosa Cardoso (à esq.) e teve participação de Nadine Borges (com microfone à dir.)

Inicialmente, a ex-coordenadora da Comissão Nacional da Verdade (CNV), a advogada Rosa Cardoso, fez uma conferência buscando analisar como os ataques contra o legado da CNV fazem parte de uma estratégia mais ampla de setores da sociedade de tentar reabilitar a memória da ditadura a fim de legitimar novas formas de autoritarismo. A fala foi mediada pelo atual coordenador da Comissão da Memória e da Verdade da UFRJ, professor José Sérgio Leite Lopes.

 FCC7512 1  FCC7340
  Evento reuniu Paulo César Gomes e Alejandra Estevez (à esq.) e houve homenagem à Rosa Cardoso por seu aniversário 

Em seguida, uma mesa de debates que contou com os professores Alessandra Carvalho (CAp UFRJ), Alejandra Estevez (UFF/VR), Nadine Borges (ex-Presidenta da Comissão Estadual da Verdade) e Paulo César Gomes (UFF), foram discutidas estratégias possíveis para enfrentar o crescimento dessas perspectivas de apologia à ditadura. Com mediação da professora Maria Paula Araújo (IH-UFRJ), debateu-se o papel do ensino de história, dos locais de memória, da divulgação científica e da conformação de narrativas mais complexas sobre o próprio período ditatorial. O dia marcou também o aniversário da conferencista Rosa Cardoso, que foi homenageada durante o evento, como forma de reconhecimento de seu papel na luta por memória, verdade e justiça.

 FCC7409  FCC7410
Evento aconteceu no Salão Pedro Calmon, no campus da Praia Vermelha


 Fotos: Bira Soares

UFRJ Fórum de Ciência e Cultura da UFRJ
Desenvolvido por: TIC/UFRJ