No dia 6 de dezembro, Ciência em Foco apresenta o filme Retratos de identificação (Brasil, 2014), de Anita Leandro, acompanhado  de uma conversa após sessão com a própria autora.

Anita, que é professora da Escola de Comunicação da UFRJ, produz este documentário dentro de um projeto mais amplo de elaboração de uma memória coletiva sobre o passado recente do Brasil. Reúne, após 4 anos de pesquisa, uma documentação inédita relacionada à prisão, tortura, morte e banimento de presos políticos.

Como ela mesma afirma, "o combate à esquerda armada no Brasil foi uma política de governo minuciosamente documentada pelos militares, dando origem a um acervo de imagens e textos que demanda, hoje, um tratamento especial por parte do cinema".

No ano do cinquentenário do golpe militar e diante da possibilidade de acesso público a arquivos antes secretos, pertencentes a órgãos de repressão política como o DOPS da Guanabara, este filme inscreve-se na luta social em defesa do direito à informação, à memoria e à verdade histórica no contexto da construção da democracia no Brasil.

O documentário, realizado pela UFRJ e pela Comissão de Anistia do Ministério da Justiça, chama a atenção para o fato de que  "os documentos, produzidos pela polícia segundo uma lógica de controle, de identificação dos prisioneiros, contribuem, agora, para identificar os próprios crimes cometidos pelos militares", destaca Anita Leandro, que também é doutora em Estudos Cinematográficos e Audiovisuais pela Université Paris III (Sorbonne-Nouvelle).

Após esta última apresentação do semestre, Ciência em Foco voltará a exibir um filme seguido de debate a partir de março de 2015, sempre no primeiro sábado de cada mês. O objetivo é estimular a produção e circulação de novas ideias. A entrada é franca.

 

Conheça a CASA DA CIÊNCIA

UFRJ Fórum de Ciência e Cultura da UFRJ
Desenvolvido por: TIC/UFRJ